terça-feira, 2 de novembro de 2010

Dilma não menciona Deus nenhuma vez em seu discurso de vitória

VEJA, 01-11-2010

DILMA E DEUS

No discurso da vitória, ontem à  noite, Dilma Rousseff não citou Deus em nenhum momento. Seria impensável deixar de fazê-lo em determinado instante da campanha, entre o final do primeiro turno e o meio do segundo turno pelo menos. Deixar de agradecer a vitória a Deus não se trata de algo bom nem ruim. Significa apenas que a campanha acabou. [i]

http://veja.abril.com.br/blog/radar-on-line/eleicoes-2010/dilma-e-deus/

2 comentários:

  1. ahh td bem....fhc tb disse ser ateu, dp desmentiu....rs rs rs acho que quando entrou em campanha hahha

    :)

    ResponderExcluir
  2. Eu, como agnóstico epistemológico, nem vejo problema nessa postura dos candidatos quanto a todo esse papo religioso.

    Só mostra que todos são iguais e que o que está acima de tudo é chegar lá, depois de estar lá, o princípio da não-contradição que vá para o saco.

    ResponderExcluir

1. Seja polido;

2. Preze pela ortografia e gramática da sua língua-mãe.