terça-feira, 3 de janeiro de 2012

Pastiche sincrético global que junta o catolicismo de IBGE com umas pitadas de espiritismo de Paulo Coelho faz pouco caso do judaísmo na presença de um judeu


Você pode estar perguntando-se, mas e o politicamente correto? Não estaria eu sendo politicamente correto ao condenar as piadinhas, só porque foi feita contra judeus (afinal, se fosse contra católicos todos dariam risada mesmo, se fosse contra ateus todos emendariam 'vemo-nos no inferno', a menos que fosse contra macumbeiros, aí todos caíriam de pau).

Ora, não são ELES que se dizem e defendem o politicamente correto? Pois é, parece que estão sendo bastante seletivos, não acha? Pois que sejamos também!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

1. Seja polido;

2. Preze pela ortografia e gramática da sua língua-mãe.