sexta-feira, 13 de abril de 2012

Bocejo pessimista XVI - definitivamente, é orgânico!

Por André,



Acabo (literalmente) de descobrir, perceber ou constatar, chamem como quiser, que esse negócio chamado ''''amor'''' (??), é orgânico, é fisiológico, é químico, é neurológico.

É menos poesia e mais ciência.

Por quê?

Porque a mera presença da sua ideia (levando Hume ao pé da letra, imaginem o que sua impressão não pode me causar...) me causa falta de apetite e insônia (efeitos orgânicos).

Como bem disse Bukowski, esse negócio de almas gêmeas, não existe. É tudo construto humano (demasiado humano, eu diria).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

1. Seja polido;

2. Preze pela ortografia e gramática da sua língua-mãe.