quarta-feira, 4 de abril de 2012

Demóstenes Torres, que posava de paladino da moral, é farinha do mesmo saco que petistas & cia limitada



Todos devem (meus leitores certamente estão, todos os outros deveriam estar) cientes das peripécias de Demóstenes Torres, senador do DEM, que ganhava favores do bicheiro Carlos Cachoeira e, pasmem, decidia quais leis votar ou não pautado no interesse do sumo bicheiro.

Minha reflexão: o que sobrou na política brasileira? Partidos nanicos que se vendem (por pouco). Partidos grandes que se vendem por muito (PMDB). Dois partidões que posam de pólos opostos, mas que têm o mesmo modus operandi e que são braços do mesmo corpo (a história, as siglas e os discursos dos líderes prova isso) - eis o PT e o PSDB.

Eu pergunto, o que sobra?

Uns, põem Maquiavel em prática, cônscios que podem domar os pobres com pouco, garantem um eleitorado sólido e se perpetuam no poder.

Outros, em vez de se oporem a isso, se prendem a velhos nomes e adotam o mesmo discurso.

E o pior, quando vemos nomes da dita "direita", "oposição" brasileira como Demóstenes Torres, o que sobra para essa parcela gorda do eleitorado tupiniquim??

Tudo não é muito melhor do jeito que é nos EUA? Dois partidos e voto facultativo? Porque no atual estado de coisas, simplesmente NÃO há em quem depositar as esperanças.

Digo isso com propriedade porque circulo muito bem entre direitistas (liberais e conservadores) e esquerdistas.

---

PORÉM, CONTUDO, ENTRETANTO, TODAVIA, é preciso deixar algo bastante claro, a corrupção da """oposição""" não anula a corrupção da situação.

É comum que os afetados pelo petismo - eu mesmo ouvi essa várias vezes - digam: -"Mensalão? Ah, mas na época do FHC também tinha"

E DAÍ, CARA PÁLIDA? Se seu vizinho faz caquinha autoriza você a fazer também? E um sério agravante: quem sempre levantou a bandeira da ética, não deveria "fazer diferente"? Aí aponta o dedo na cara do vizinho e, na maior cara de pau, diz que ele faz também e acha isso justificativa??


Mas aí eu retorno à minha tese: os políticos nada mais são que reflexo da própria sociedade brasileira, eles não saem de Marte, são os caras que 10, 20 anos atrás, davam suborno pro guarda de trânsito, fazia gato de TV por assinatura etc. etc.

Chegando no poder e administrando grandes montantes, eles apenas maximizam o que ocorria em menor escala.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

1. Seja polido;

2. Preze pela ortografia e gramática da sua língua-mãe.