quinta-feira, 12 de julho de 2012

População da América do Sul é tão corrupta quanto Ricardo Teixeira, diz Fifa.

Por Estadão,

População da América do Sul é tão corrupta quanto Ricardo Teixeira, diz Fifa. Entidade afirma que 'maioria' das pessoas que moram no continente acha corrupção 'normal' e tem seus salários vindos de suborno. Assim a Fifa 'justificou' à Justiça que não havia problemas em João Havelange e Ricardo Teixeira não devolverem US$ 2,5 milhões que receberam de suborno.

--

Para quem pensa que a corrupção se restringe exclusivamente a política. Tenho essa minha tese há algum tempo, a corrupção está inscrita no DNA do brasileiro. A corrupção em Brasília é só o final da linha do trem. Os políticos corruptos de hoje são as mesmas pessoas que anos atrás tentavam subornar o guarda de trânsito, o guarda que aceitou a propina, o cara que faz gato de TV por assinatura, o cara que compra DVD pirata. Enfim, a corrupção na política é apenas reflexo de uma sociedade corrompida.

Quem acha que a corrupção é exclusivadade da política é de uma ingenuidade sem tamanho. Ela está na sociedade, em níveis básicos (relações inter-pessoais) e em níveis grandes (saúde, educação, política etc).



Torno a recomendar a leitura do livro "JOGO SUJO" do jornalista inglês Andrew Jennings, que fez TODAS essas denúncias há anos atrás e NÃO FOI PROCESSADO por NINGUÉM: nem Havelange nem Teixeira nem Blatter.

Jennings confirma que a Copa só veio para o Brasil graças a um acordo entre Teixeira e Blatter. Nada de putência ecunômica não. O Brasil não consegue organizar uma final de torneio sulamericano, quanto mais algo de maior porte...



MUITO CUIDADO com a política Maluf de ser, em meio a essas denúncias, não caiam na ideia do "rouba mas faz". Pouco importam os fins, o que interessa é com que moral (ou ausência dela) os meios são praticados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

1. Seja polido;

2. Preze pela ortografia e gramática da sua língua-mãe.