segunda-feira, 3 de junho de 2013

Fascismo de direita? Como um doutrina estatizante pode ser "de direita"?

Por André,

Olavo de Carvalho, trechos de uma entrevista concedida à revista República:


Fascismo e direita:

"Quando se fala em fascismo, está-se falando de uma política econômica estatizante, em que há uma aliança entre o Estado e certas grandes empresas. Por aí se vê como é muito difícil raciocinar em termos de estereótipos. Dizer que nazismo é de direita faz-me rir! Como pode ser de direita uma ideologia que propõe uma sociedade darwiniana? Isso é revolucionário. Poucos esquerdistas ousaram propor algo tão subversivo. Toda ideologia revolucionária, seja nazista ou comunista, é monstruosa, porque revolução, por trás das belas palavras, consiste sempre em matar pessoas."

A definição de esquerda e direita:

"É muito difícil definir porque a esquerda muda de ideologia continuamente: aquilo que é de esquerda numa geração é chamado de direita pela própria esquerda na geração seguinte. Só vejo uma maneira de definir: o esquerdista é o sujeito que propõe um ideal de futuro e, em nome dele, justifica suas ações no presente. O direitista é aquele que se legitima em função de coisas já realizadas no passado. Ou seja, há a idéia de conservação e a idéia de mudança, e as duas podem ser progressistas à sua maneira."

O sentido eterno da vida:

"O demoníaco é o que proíbe o homem de pensar além da perspectiva terrestre e de julgar o que se passa no mundo em função de uma perspectiva maior. Não deixa fazer a pergunta: 'E se houver uma vida após a morte? E se meus atos aqui forem decisivos para o meu destino post mortem?'. É quando se fazem essas perguntas que se começa a dar um sentido eterno à vida. Se a pessoa não fizer isso, não é nem gente."

A autoridade

"Olha, se pegarmos a ideologia anarquista e retirarmos dela um fundo verdadeiramente demoníaco e mórbido, de ódio às religiões, podemos dizer que eu sou anarquista. É preciso muito menos autoridade neste mundo do que existe. Até mesmo no que se chama de iniciativa privada. O presidente da Ford ou da Mitsubishi tem mais poder do que Luís XIV, poder sobre a vida das pessoas!"

Nenhum comentário:

Postar um comentário

1. Seja polido;

2. Preze pela ortografia e gramática da sua língua-mãe.