segunda-feira, 9 de setembro de 2013

Bem-vindos ao "Belgistão"

Por André,

Muçulmanos já tomaram conta de Bruxelas e Bélgica inteira será a próxima:



Estes muçulmanos nem estão mais se dando ao trabalho de adotar um discurso para seus irmãos, para os únicos outros seres humanos e outro para o Ocidente "ímpio". Dizem em claro e bom tom: a democracia é errada e incompatível com o islamismo. O projeto é implantar a sharia (lei islâmica que, entre outras coisas, prevê a morte de ateus e apóstatas, o apredrejamento de adúlteras e gays, entre outras coisas) no mundo todo!

Fica evidente a inscrição da militância muçulmana como projeto revolucionário no sentido técnico do termo: trata-se de um típico plano de dominação mundial que só presta contas ao futuro teocrático islâmico "promissor".

Vale conferir:

Islã se associa à retórica coitadista da esquerda

 

Debate com esquerdista sobre perigo e militância islâmica

 

Os perigos do Islã em números: "The Religion of Peace"

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

1. Seja polido;

2. Preze pela ortografia e gramática da sua língua-mãe.