quinta-feira, 20 de março de 2014

Discurso de Lula para quem acha que não há um projeto socialista em curso na América Latina

Por André,


Muita já se disse sobre esse tema e muitas acusações levianas já foram feitas por aqueles que tentaram alertar para esse fato. A desculpa há algum tempo atrás era que o Foro de São Paulo era um mero clube de debates e não tinha pretensões de articulação política (justamente o contrário da realidade). Hoje o discurso já mudou.

Nesse discurso, bastante recente, Lula deixa tudo muito claro (num outro vídeo Lula afirma da importância que o Foro de São Paulo teve numa eleição em Honduras): o Foro de São Paulo existe para fomentar a tomada do poder por socialistas na América Latina. E no entender de Lula, o Brasil tem um papel central nessa história (os investimentos em Cuba, Venezuela e Bolívia nunca ficaram tão claros).

E ainda reforça que seu projeto é, efetivamente, socialista strictu sensu, ele se mostra incomodado com a esquerda europeia, por sua suposta fraqueza ideológica. Lula não quer qualquer socialismo, quer um socialismo ortodoxo.

Entre outras coisas, o que o Foro de São Paulo faz é, justamente, aquilo que mais condenam: orquestram a subida e queda de poder em países da América Latina, praticam ingerência e sabe-se lá que outros tipos de desonestidades. Não sei quanto a constituição de Honduras, Paraguai e demais países, mas a brasileira proíbe expressamente tal tipo de ingerência (lei nº9096 de 19 de setembro de 1995 e artigo 17 da constituição).

Ah, e é claro, para Lula todos que são contra o Foro de São Paulo são neonazistas e fascistas. Pois é.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

1. Seja polido;

2. Preze pela ortografia e gramática da sua língua-mãe.